"*RÁDIO SOTELO*"

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013


A CONQUISTA SE DÁ PELA POSIÇÃO

Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes. Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça. E calçados os pés na preparação do evangelho da paz.Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus. Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos”. (Efésios 6:11-18).
Introdução
O Senhor tem levantado um povo apostólico-profético como nunca visto antes. Um povo destinado a conquistar seus bairros, cidades e nações para o Senhor Jesus. Uma igreja conquistadora que se levanta para desfazer as obras do diabo. Para destruir todas as maquinações diabólicas nos territórios que esta tem sido instituída.
Isto se dá uma vez que a igreja tem aprendido a tomar sua posição de autoridade diante de Deus, do mundo e do diabo. Somos a geração que está sendo levantada por Deus para compreender muito bem o que devemos fazer para implantar o seu reino. Pois Deus tem nos dado à restauração apostólica que traz essa direção.
Paulo como apóstolo sabia muito bem como guiar o povo quanto ao se posicionar nas coisas de Deus. Notamos isso através dos verbos que ele usa para instruir a igreja de Éfeso na guerra: revesti-vos, tomai, resistir, estais firmes, calçai… São verbos que instigam a tomada de posição.
1. Como se dá a compreensão da posição dada por Deus em Cristo
“Porque eu sei em quem tenho crido…” (I Tm 1:12). O apóstolo Paulo podia instruir a igreja sobre posição, porque ele tinha sido ganho e consolidado por um povo apostólico. Por um povo que conhecia a um Deus de milagres e vivia no sobrenatural. Por pessoas que o instruíram, e o fizeram compreender qual era sua posição em Cristo.
O apóstolo Paulo foi consolidado por Ananias. (At 9:17,18), quando Ananias orou e Deus operou um milagre na vida de Paulo. A muitos “Paulos” em nossas cidades esperando pelos “Ananias”. Há multidões esperando pelos “Ananias”, um povo apostólico-profético, um povo que se posiciona diante do projeto de Deus, e é cheio de autoridade para implantar o reino de Deus. Um povo que compreende sua posição de autoridade em Cristo.
2. A tomada de posição, nos dá a capacidade de derrubar gigantes
Davi mesmo sendo um menino, aprendeu que devia se posicionar contra seus problemas. Davi conhecia a Deus profundamente e sabia que o Senhor era com ele. Por isso ele batia de frente contra as adversidades. Quando um urso atacou o rebanho de seu pai, ele feriu-o e matou-o. Da mesma forma com um leão. E quando viu que o gigante Golias estava afrontando o exercito de Deus, se levantou para ir contra o gigante (I Sm 17:34-37).
Davi mesmo sendo muito novo sabia que se não tomasse a posição que Deus o havia dado através da unção real que o profeta Samuel o tinha ministrado, o gigante continuaria confrontando o povo de Israel. Mas, uma vez que tomou a posição que Deus o havia dado, derrotou o gigante.
3. A unção sem posicionamento não garante vitóriaSaul era o rei de Israel. Ele tinha a unção real. Ele tinha a autoridade para tomar decisões e guerrear. Era preparado para guerra. Era um homem muito forte. Porém ele não se levantou para guerrear. Ele não se posicionou diante do problema que Israel estava enfrentando, e por isso perdeu prestigio diante do seu povo.
Logo, não basta ser apenas ungido para tal tarefa. Só a unção não garante vitória. Há muitos “Sauls” no meio da igreja. Pessoas que são ungidas, mas que não tomam a posição que Cristo lhes deu. Ficam queixando-se, mas não agem como filhos, herdeiros, como aqueles que receberam a autoridade do Senhor.
Conclusão
Somos um povo que possui a unção real, a unção apostólica. “E para o nosso Deus os fizeste reis e sacerdotes; e eles reinarão sobre a terra”. (Apocalipse 5:10). E por isso temos que nos posicionar diante daquilo que se levanta para impedir a implantação do reino de Deus. É certo que sem a unção de Deus, não podemos fazer nada para o seu reino, mas também sem nos posicionarmos em Cristo, seremos apenas expectadores das coisas que vão acontecer. Você é quem decide o que vai fazer. Irá posicionar-se ou não?! Estabelecer o reino ou não?!