"*RÁDIO SOTELO*"

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013


Versículo do livro de Efésios 4

A Bíblia nos traz uma lição edificante, no livro de Efésios, capítulo 4:
“Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, conforme a necessidade, para que beneficiem aos que a ouvem” (Efésios 4.29).
Pode até parecer que não tem nada a ver com este estudo, mas ontem, dia 26/11/2012, quem assistiu ao noticiário do Jornal Hoje, viu as informações do que o jovem deve dizer ou não nas entrevistas.
O objetivo da reportagem é orientar, os candidatos à vaga de empregos, a maneira correta de como devem se comportar.
As recomendações dos orientadores são para que os candidatos:
Cheguem antes do horário estabelecido. Portanto, nada de chegar nem um minuto atrasado.
Usem roupas adequadas à ocasião. As moças, com saias que cobrem as pernas. Blusas que combinem com as saias sem, entretanto, mostrar decotes e ombros. Ou seja, nada de modelos top, que deixam parte do tórax feminino de fora.
Os rapazes devem usar calças, camisas e sapatos. Nada de bermudas, camisetas, chinelos, bonés; roupas que exibem tatuagens. Ou seja, devem vestir-se como se trabalhassem na empresa a qual procuram vagas.
Seria bom, para conseguir a tão sonhada vaga, se ambos, moças e rapazes observassem como se vestem os funcionários de empresa pretendida, antes de participar da entrevista.
Segundo os orientadores:

O que o candidato deve falar?

Apenas o necessário para se apresentar. Nada de falar de maneira arrogante, pretenciosa ou debochada.
Falar apenas palavras positivas, as que ajudariam a empresa a alavancar seus negócios, caso fossem contratados. Pois nenhuma empresa gosta de empregados de pensamento negativo. Dos que só falam e pensam em derrota o tempo todo.
As empresas não gostam também dos empregados que têm medo de progredir, dos que veem obstáculos em tudo. Dos que reclamam muito e não opinam para a melhoria do ambiente.
As empresas entendem que pessoas assim colocam-nas em risco. Tais pessoas têm medo de progredir. E as empresas se prejudicam com elas. Pois todas as empresas desejam progredir.
Mas, você poderia nos perguntar: “O que tem esse assunto que ver com a lição do livro de Efésios, cujo versículo está no início deste post?”.
Tem tudo que ver. Leia bem o que o autor do texto bíblico diz no início do versículo: “Não saia de sua boca nenhuma palavra torpe…”.
Vamos descobrir agora:

O significado da palavra Torpe

O Dicionário Aurélio trás as seguintes definições:
Torpe – Do latim turpe. Adjetivo de dois gêneros.
1. Desonesto, impudico.
2. Infame, vil, abjeto, ignóbil.
3. Repugnante, nojento, asqueroso, ascoso.
4. Obsceno, indecente.
5. Manchado, enodoado, maculado.
Significa ainda:
Embaraçado, acanhado.
Como deve ser a nossa forma de falar? A Bíblia diz em Efésios 5:4 “Nem baixeza, nem conversa tola, nem gracejos indecentes, coisas essas que não convêm; mas antes ações de graças.” 
Um dos mandamentos proíbe usar o nome de Deus em vão. A Bíblia diz em Êxodo 20:7 “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente aquele que tomar o seu nome em vão.” 
Deus pede-nos que deixemos a linguagem obscena. A Bíblia diz em Colossenses 3:8 “Mas agora despojai-vos também de tudo isto: da ira, da cólera, da malícia, da maledicência, das palavras torpes da vossa boca.” 
Aquilo que creemos está reflectido naquilo que dizemos. A Bíblia diz em Provérbios 13:3 “O que guarda a sua boca preserva a sua vida; mas o que muito abre os seus lábios traz sobre si a ruína.” 
Os seguidores de Jesus devem falar sempre com graça. A Bíblia diz em Colossenses 4:6 “A vossa palavra seja sempre com graça, temperada com sal, para saberdes como deveis responder a cada um.” 
A forma como falamos influencia outros. A Bíblia diz em 1 Timóteo 4:12 “Ninguém despreze a tua mocidade, mas sê um exemplo para os fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza.”